Religião ou Revelação?

Queridos…não chame de religião algo que seja contrario a “visão” da sua igreja ou a “teologia” que você acredita. Como viveremos juntos no céu se não sabemos viver em comunhão na terra? 

Aqui estão algumas características de um filho da nova aliança: 

– Tem a Bíblia como palavra de Deus. Faça assim como o Salmista declarou: “Lâmpada para os meus pés é tua palavra, e luz para o meu caminho.” Salmos 119:105
– Obediência genuína te fará permanecer no destino de Deus. 
– Possui um testemunho dentro de casa. 
– Preza pelo servir e comunhão dos santos.
– Entende que existe poder em uma oração sincera. 
– Entende que adoração caminha lado a lado com atos de justiça. 
– Nunca desdenhe aqueles que vieram antes de você. 
– Entende 2 Timóteo 3:15-16. Existe uma diferença entre ser juiz e corrigir em amor. Haverá apenas um juiz e Deus exercerá essa função apenas no fim. Até lá, não cabe a nós fazermos seu papel. 

Cuidado…

– Ao usarem palavras de efeito ou versículos por algo em retorno. 
– Com um “liberalismo” não bíblico. 
– Ao compartilhar tudo que você lê e chama de “revelação”. Nem tudo deve ser exposto as pessoas. 
– Ao errar e não pedir perdão logo em seguida. 
– Ao fazer de eventos apenas um lugar onde Deus fala. 

Façamos assim como Salomão! Que teve um encontro com Deus durante a noite e o Pai o perguntou: o que tu queres? E o mesmo pediu SABEDORIA. Clamemos ao Pai hoje e até o fim! Nestes tempos incertos, receba e / ou cultive óleo. Leia Mateus 25!